Em algumas regiões, como África e Ásia, a tendência é aumentar as vocações sacerdotais por meio da formação de padres estrangeiros

Uma coletiva de imprensa foi realizada no domingo (30 de abril de 2023) para explicar a mensagem do Papa para o 60º santuário. «Hoje a Europa enfrenta uma crise vocacional», disse dom Renna, subsecretário do Ministério da Santa Sé, sublinhando que «a pastoral juvenil e a pastoral das profissões devem ser mais integradas».

Antonella Palermo / Tradução de Padre Lee J-Hope

As vocações sacerdotais hoje sofrem uma queda no número de vocações no Velho Mundo, mas estão crescendo na África, na Ásia e em alguns países da América Latina, inclusive no Brasil. Hoje, mais vocações estão florescendo, com foco combinado na pastoral juvenil e na pastoral vocacional. Se você observar os esforços para treinar padres estrangeiros nas igrejas locais, isso já está sendo feito de maneira maravilhosa. Este é o fato revelado na coletiva de imprensa da Sala de Imprensa do Vaticano na manhã de 26 de abril sobre a mensagem do Papa Francisco para o 60º Domingo Vocacional. O tema do 60º Domingo do Santuário, em 30 de abril, é “A vocação como graça e missão”.



Conferência de Imprensa do 60º Santuário Notícias de Domingo

Uma Igreja que acompanha e acolhe

O cardeal Lazarus Yoo Heung-sik, ministro da Santa Sé, observou em uma coletiva de imprensa que o Papa São Paulo VI estabeleceu o santuário no domingo, no ápice do Concílio Vaticano II. Ele também destacou que a comunidade cristã deve ser “um lugar onde ninguém é deixado de fora, mas acolhido e acolhido”. “Devemos ajudar cada um a encontrar a própria vocação sem interferir na obra criadora do Espírito Santo. Isso requer esforços tanto de pastores quanto de leigos”. O cardeal Yu enfatizou a necessidade de a Igreja hoje, mais do que nunca, “segurar as mãos de nossos vizinhos e se juntar a eles em sua jornada, uma missão para se aproximar de todos”. , o Cardeal Yu recordou a visita do Papa à Coreia e respondeu da seguinte forma: Aliás, pude ver de perto a ‘qualidade’ do sacerdócio que ele exibia. perturbe os arredores.

READ  Chanceleres da Coreia, dos EUA e do Japão, Brasil... Estabelecem cooperação com a Coreia do Norte em meio a sinais diplomáticos entre a Coreia do Norte e o Japão

Aumento de carreiras para pastores autônomos na África e na Ásia

O arcebispo Andrés Gabriel Ferrada Moreira, subsecretário para o Ministério da Igreja, destacou dois aspectos da mensagem do Papa no Domingo Vocacional. A primeira reportagem apresentava a experiência pessoal do Papa em 21 de setembro de 1953, dia em que sentiu um forte desejo de se confessar. A partir desse dia, o Papa iniciou uma vida de apreço pela vocação ao sacerdócio, e a vocação gravada em seu coração naquele dia transformou-se em um instante em uma graça imortal e duradoura. O segundo destaque é o tema do Domingo Vocacional deste ano: “Cecil como Graça e Missão”. O tema é retirado do tema de mesmo nome escolhido no início da jornada de três anos da conferência dos bispos brasileiros, e quando os bispos brasileiros tiveram uma audiência com o papa no ano passado, o papa se inspirou no tema. Ele explicou que esse foi o tema escolhido para o Domingo da Carreira deste ano. Questionado por um repórter onde as vocações para padres estão crescendo em todo o mundo, o Arcebispo Moreira respondeu que as vocações estão realmente crescendo na África, Ásia e partes do Brasil e América Latina. A esse respeito, Monsenhor Simone Lenna, Subsecretário do Ministério dos Ministros, explicou que enquanto há uma crise de lugares santos na Europa, muitos padres estrangeiros estão nascendo porque a dedicação dos missionários está dando frutos nas áreas onde os missionários se foi. Para proclamar as boas novas. “A Europa está lutando para manter pastos juvenis adequados. Isso também está pressionando o desenvolvimento do santuário”, disse ele.

Cardeal Lazarus Yoo Hyung-shik, Ministro do Santo Discipulado

Cardeal Lazarus Yoo Hyung-shik, Ministro do Santo Discipulado

Responsabilidades conjuntas de sacerdotes, religiosos e leigos

Monsenhor Renna sugeriu a vigilância vocacional como uma das muitas formas de concretizar as recomendações da mensagem do Domingo Santo do Papa. “A consciência vocacional revela uma sinfonia de diferentes vocações. Cada vocação deve florescer em um relacionamento interdependente com outras vocações. pode ser difundido através dos sites das comunidades cristãs e através das redes sociais. Podemos aproveitar a liturgia durante a Missa como uma oportunidade para enfatizar as palavras”. Padre Eamon McLaughlin, do Ministério do Clero, disse que é apropriado que cada paróquia encontre um pastor vocacional (sacerdote, religioso ou leigo) ou grupo de leigos. Ele também disse que é importante estabelecer centros vocacionais em cada paróquia, região e país Finalmente, no cumprimento desta missão única da paróquia, o Padre McLaughlin insistiu que todos os batizados não eram meros colaboradores, mas uma responsabilidade comum.

READ  Christine Lee: A mulher que se juntou ao Partido Comunista Chinês 'procura interferir indiretamente na política do Reino Unido', de acordo com o MI5 do Reino Unido.

Proibida a reprodução e redistribuição não autorizada

(Mencione a fonte ao citar, não edite/altere arbitrariamente)

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *